quinta-feira, 23 de agosto de 2012

CALHETA-RIBEIRA SECA-PORTAL

A estrada, batida pelo calor extremamente húmido de fim de Julho, serpenteia ao longo da encosta alcantilada de São Jorge. O meu objectivo é a Fajã dos Vimes, lá em baixo. À minha frente, deitada ao comprido, acompanhando-me a cada passada, está a ilha do Pico e as suas bossas da ponta oriental. Subo, desço, paro num café de estrada encharcado em suor para beber água quanto baste e sigo caminho. s jorge 3 De vez em quando, numa curva, a estrada abre perspectivas sobre o caminho percorrido. Para trás, já ficou a Calheta encostada ao mar, encaixada numa concha na serra. Num patamar sobre o canal, surge a Ribeira Seca. s jorge 2 s jorge 4 Não há nada de particularmente agradável em caminhar num dia assim, quente e muito abafado. Hei-de chegar lá abaixo à Fajã dos Vimes empapado em suor.

Sem comentários:

Publicar um comentário