domingo, 10 de fevereiro de 2013

ENTRE A LAGOA SECA E A LAGOA BRANCA

Para chegar à Lagoa Branca, tive de molhar as botas entre tufos de vegetação alagada e lama. Ali por perto há um posto para observação de aves. Contornei a cratera até chegar ao começo do trilho que desce do planalto até ao litoral e me colocaria de novo na Fajã Grande. Flores 130 Flores 131 Lagoa Branca Flores 132 Flores 133 Flores 134

Sem comentários:

Publicar um comentário